Américas Artigos Regionalismo

A atuação da Rede Mercocidades em meio à crise do regionalismo sul-americano e à pandemia de COVID-19

Quadro resumitivo da iniciativa “Mercocidades responde à COVID-19” (MERCOCIDADES, 2020) Estamos vivenciando um período muito específico em torno dos debates sobre o regionalismo na América do Sul. Logo após o momento de relativa euforia no início dos anos 2000 em torno dos organismos regionais, no qual o regionalismo pós-hegemônico apareceu como novidade, a “Onda Rosa” …

Américas Artigos Regionalismo

A Crise do Regionalismo: fatores e perspectivas

Imagem por Carta Campinas. Como espaço de discussão sobre o regionalismo em suas diferentes perspectivas e campos de análise, o Observatório de Regionalismo (ODR) contribuiu recentemente para a reflexão do momento atual do regionalismo latino-americano, assim como para a compreensão do surgimento de novos mecanismos regionais. Ademais, buscou-se contribuir para a análise dos atuais entraves …

Américas Artigos

O Acordo de Escazú: democratizando a governança climática e ambiental latino-americana

Na América Latina, conflitos socioambientais geralmente ocorrem devido a existência de incompatibilidades quanto ao manejo de recursos naturais como a água, a terra e as florestas. O nível de desigualdade na região se traduz na escassez de oportunidades para que grupos historicamente marginalizados tenham acesso à informação, à participação nas instâncias democráticas e à justiça …

África Artigos

ECOWAS/CEDEAO e a sua contribuição no enfrentamento do surto da pandemia da Covid-19 na África Ocidental

Fonte da Imagem: Site da ECOWAS. O dilema do combate da pandemia do Covid-19 não só revelou as críticas que foram feitas sobre as medidas adotadas pelas Instituições internacionais, mas também reforçou argumentos neo-funcionalistas sobre o papel das instituições supranacionais. A criticidade do cenário mundial demonstra a importância de tais instituições como agentes especializadas para …

Américas Artigos Regionalismo

A integração latino-americana sob a perspectiva da Teoria Marxista da Dependência

Nascida na década de 1970 a partir da crítica ao desenvolvimentismo estruturalista da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL) [1], a Teoria Marxista da Dependência (TMD) considera o subdesenvolvimento como um fenômeno dialético ao próprio desenvolvimento, sendo a dependência a razão para o subdesenvolvimento e não o oposto [2]. Ou seja, …